Analytics

segunda-feira, 20 de março de 2017

Curso em Itapema

Definitivamente Santa Catarina é o estado do Brasil onde tem mais quilters. Eu sempre fico impressionada com a quantidade de quilters que surgem lá. Não só com relação ao empenho em aprender a quiltar, mas também com a importância que elas dão a se organizarem. As minhas turmas de Santa Catarina sempre tem muitas alunas que fazem parte da ABPQ (Associação Brasileira de Patchwork e Quilt). Por conta dessas peculiaridades sempre fico muito contente de saber que as catarinenses me tem como referência para aprender a quiltar. Muito obrigada, amigas!
Semana passada estive em Itapema. Uma cidade do litoral catarinense. Onde ministrei o curso básico.
 Dessa vez fui a convite do Ateliê Flor de Filó, da Cris Hirt. Uma abelhinha da ABPQ que leva muito a sério a sua função!
 Esse curso contou com o apoio da JJMáquinas. Uma equipe super comprometida que esteve presente todos os dias para esclarecer as dúvidas das alunas sobre o uso e manuseio das máquinas de costura.
 Essa foto foi tirada um dia antes do curso, quando estávamos preparando a sala de aula. Cris Hirt, eu e Ro Moreira, uma estilista de moda que usa o patchwork nas suas criações e foi aumentar seus conhecimentos sobre quilting para colocar mais essa técnica nas suas peças.
 Como Itapema fica no litoral, aproveitamos para fazer uma caminhada à noite na beira da praia.
 No meio da caminhada choveu e tivemos que esperar a chuva passar. Mas tudo com muito bom humor!
 Aluna treinando com a supervisão da professora e do Juliano da JJMáquinas.
Não posso encerrar essa postagem sem agradecer a confiança que as catarinenses depositam nos meus cursos. É muito gratificante saber que estou contribuindo para que esse Estado tenha uma forte tradição no quilting!
Até semana que vem e obrigada por sua companhia!

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...